Destaques dos Lançamentos da Semana – 21/07

Salve rataria, fim de semana chegando, momento pra dar uma relaxada e assistir um filmizinho, ou dois quem sabe e para isso, é bom estar ligado nos lançamentos. Então vamos a eles.

Nos cinemas os destaques são O telefone preto, suspense do diretor Scott Derrickson, que traz Ethan Hawke como um sequestrador e conta a história de um menino sequestrado por um homem mascarado, que consegue através de um telefone preto, se comunicar com as vítimas do sequestrador do passado, para tentar sobreviver. Memória é o novo filme do aclamado Apichatpong Weerasethakul, que traz Tilda Swinton como uma fazendeira, que ao visitar a irmã na Colômbia, passa a ouvir um estranho som, que mexe com ela, a ponto dela sair a procura da fonte daquele som. Finalmente chega aos cinemas Casa de Antiguidades. elogiado filme nacional que conta a história de um trabalhador idoso que vive com o preconceito, até encontrar uma casa que o faz se reconectar com sua ancestralidade. Fechando os lançamentos da tela grande, Diários de Otsoga é o novo filme do diretor Miguel Gomes e conta a história de três amigos que constroem um borboletário para um filme durante a pandemia.

Nos Streamings, chega a Netflix um dos maiores filmes originais do ano no catálogo da gigante do streaming. Agente oculto é o novo filme dos irmãos Russo e traz um elenco com nomes como Ryan Gosling, Chris Evans, Ana de Armas, Billy Bob Thornton e Wagner Moura, em uma história de espionagem repleta de ação e surpresas. Outro destaque da Netflix, Passado violento traz Adrien Brody, como um homem de passado violento, buscando um pouco de paz, até acabar acidentalmente se envolvendo com o crime organizado e acabar abraçando sua natureza violenta para salvar as pessoas que ama. No Star+, chega o drama espanhol Concorrência Oficial, um longa sobre uma conturbada produção cinematográfica para contar a cinebiografia de um milionário preocupado com o legado de sua imagem. No Mubi, chega o novo filme de Lucrecia Martel, um documentário sobre artistas femininas do interior da Argentina durante a pandemia.

O Telefone Preto

Baseado no livro de Joe Hill (filho de Stephen King), O telefone preto é o retorno do diretor Scott Derrickson ao gênero que fez sua fama. A trama se passa no final da década de 70 e conta a história de crianças que estão sendo misteriosamente sequestradas. Finney (Mason Thames), é um adolescente que é sequestrado e acorda em um porão, onde há apenas uma cama e um telefone preto. Quando o aparelho toca, o garoto consegue ouvir a voz das vítimas anteriores do assassino The Grabber (Ethan Hawke), e elas tentam evitar que o Finney sofra o mesmo destino. Enquanto isso, sua irmã Gwen (Madeleine McGraw), tem sonhos que indicam o lugar onde ele pode estar e corre contra o tempo para tentar ajudar dois detetives a salvar o irmão, que após mais um telefonema, pode ter recebido das vozes, um plano que vai salvá-lo.

The Black Phone (2021). De Scott Derrickson. Com Ethan Hawke, Mason Thames, Madeleine McGraw e Jeremy Davies.

Disponível: Cinemas

Memória

Vencedor do Prêmio do Júri no Festival de Cannes e indicado pela prestigiada Cahiers du Cinéma como um dos melhores filmes de 2021, o novo filme do aclamado cineasta tailandês Apichatpong Weerasethakul conta a história de Jessica (Tilda Swinton), uma fazendeira de orquídeas escocesa que vai visitar sua irmã em Bogotá. Em uma manhã, Jessica é acordada por um som familiar. O som, que aparentemente apenas Jessica consegue ouvir, carrega uma beleza em seu profundo que faz parte do cenário de Bogotá. Buscando a fonte do som, Jessica conhece Hernan (Elkin Díaz), um pescador que conta histórias sobre o passado, o futuro e memórias daqueles que já se foram e podem ter relação com tudo o que ela está vivendo.

Memory (2021). De Apichatpong Weerasethakul. Com Tilda Swinton, Agnes Brekke, Daniel Giménez Cacho e Elkin Díaz.

Disponível: Cinemas

Casa de Antiguidades

Exibido na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo de 2020 e escolhido para a Seleção Oficial no Festival de Cannes, a estreia do diretor João Paulo Miranda Maria em longa-metragem, narra a história de Cristóvão (Antonio Pitanga), um homem mais velho, que começa a trabalhar em uma moderna fábrica de laticínios no sul do Brasil. Migrando de outra região, ele se sente distante, não se identificando com a cultural local, com as pessoas e sofrendo com o preconceito dos moradores da cidade. Um dia, ele descobre uma casa abandonada repleta de objetos que o lembram de suas origens. Aos poucos, Cristóvão vai se instalando pela casa, reconectando-se com sua ancestralidade. Curiosamente, mais objetos começam a aparecer sem explicação, como se o lugar tivesse vida própria.

Casa de Antiguidades (2020). De João Paulo Miranda Maria. Com Antonio Pitanga, Ana Flavia Cavalcanti e Sam Louwyck.

Disponível: Cinemas

Diários de Otsoga

O novo filme do diretor português Miguel Gomes, que aqui divide a direção com a também portuguesa Maureen Fazendeiro, narra a história de Crista (Crista Alfaiate), Carloto (Carloto Cotta) e João (João Nunes Monteiro), três amigos que constróem um borboletário no jardim durante um quente mês de agosto. Aos poucos, descobrimos que eles são personagens de um filme realizado durante a pandemia de Covid-19, por uma equipe que não sabe muito bem onde pretende levar essa história.

Exibido na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

Diários de Otsoga (2021). De Maureen Fazendeiro e Miguel Gomes. Com Crista Alfaiate, Carloto Cotta e João Nunes Monteiro.

Disponível: Cinemas

Agente Oculto

Um dos grandes lançamentos do ano na Netflix, Agente Oculto é o novo filme dos Irmâos Russo (responsáveis pelos dois últimos filmes dos Vingadores) e traz um elenco repleto de estrelas para contar a história do ex-agente da CIA Court Gentry (Ryan Gosling). Tirado de uma penitenciária federal e recrutado pelo seu mentor Donald Fitzroy (Billy Bob Thornton), Gentry tinha como função executar as missões mais secretas da agência norte-americana. Porém, após uma missão, Gentry descobre segredos comprometedores da agência e se torna o alvo, perseguido mundo fora por Lloyd Hansen (Chris Evans), um antigo colega da CIA que não vai medir esforços para matá-lo. Para sair da situação, Gentry conta com a ajuda preciosa da agente Dani Miranda (Ana de Armas), um antiga colega que vai se arriscar para ajudá-lo.

The Gray Man (2022). De Anthony Russo e Joe Russo. Com Ryan Gosling, Chris Evans, Ana de Armas, Billy Bob Thornton e Wagner Moura.

Disponível: Netflix

Concorrência Oficial

Indicado ao Leão de ouro no Festival de Veneza, o longa conta a história de um bilionário com medo de perder sua significância e decide fazer um filme para contar sua história. Para fazer isso, ele contrata a famosa cineasta Lola Cuevas (Penélope Cruz) e dois atores incrivelmente habilidosos mas com egos enormes, Félix Rivero (Antonio Banderas) e Iván Torres (Oscar Martínez). Um é extremamente famoso em Hollywood e outro um ator radical de teatro, ambos lendas mas que não necessariamente amigos. Com uma série de coisas que Lola pede para os atores fazerem, não só terão que se aturar enquanto contracenam, mas também terão que decidir qual legado querem deixar. 

Competencia oficial (2021). De Mariano Cohn e Gastón Duprat. Com Penélope Cruz, Antonio Banderas e Oscar Martínez.

Disponível: Star+

Passado Violento

Outro dos lançamentos da Netflix, o filme conta a história de Clean (Adrien Brody), um lixeiro tentando uma vida tranquila. Ele busca redenção após um passado violento, para isso ele reforma casas em ruínas de sua comunidade, enquanto busca um caminho para se reconectar com sua filha. Quando suas boas intenções o tornam alvo de um chefe do crime local, ele precisa abraçar sua natureza violência para salvar as pessoas que ama.

Clean (2021). De Paul Solet. Com Adrien Brody, Glenn Fleshler e Richie Merritt.

Disponível: Netflix

Terminal Norte

Durante o confinamento de 2020, a cineasta argentina Lucrecia Martel volta para casa em Salta, a região mais conservadora da Argentina. Lá, ela acompanha Julieta Laso que, como uma musa, a apresenta a um grupo de artistas femininas e pessoas insolentes que trocam olhares e opiniões ao redor de uma fogueira.

Terminal norte (2021). De Lucrecia Martel.

Disponível: Mubi

Deixe sua opinião sobre os filmes neste post ou nos mande um e-mail dizendo se concorda ou discorda da gente, deixando sua sugestão ou crítica: contato@ratosdecinema.com.

Assine nosso canal e tenha benefícios exclusivos!

catarse LOGO

Além disso, não deixe de curtir nossa página no Facebook, Youtube, Twitter e Instagram e participar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s