Destaques dos Lançamentos da Semana – 23/09

Salve rataria. Prepare a pipoca, pois a semana chega repleta de bons lançamentos que vão garantir o cinema no final de semana. Nos cinemas, um dos principais destaques é A Mulher Rei, longa que traz a vencedora do Oscar Viola Davis, como a líder de uma unidade de guerreiras que protegem seu povo de colonizadores e tribos rivais. Não Se Preocupe, Querida é um suspense que traz Florence Pugh como uma dona de casa na década de 50, que vive em um condomínio, isolada com outras famílias que fazem parte de um projeto secreto. Quando ela resolve descobrir a verdade sobre a situação, aquele mundo perfeito começa a ruir. Fechando os lançamentos da terra grande, Eike – Tudo ou Nada é a cinebiografia que conta a história de ascensão e queda de Eike Batista (Nelson Freitas).

Nos streamings, O chef é um longa rodado como um grande plano sequencia, que traz a tensa e conturbada noite em um famoso restaurante, enquanto o chef precisa lidar com todas as tensões para entregar o melhor serviço. Na Netflix, Athena conta a história de conflitos sociais que ocorrem em uma comunidade após a inexplicável e desnecessária morte de um adolescente. O homem do jazz narra a conturbada história de amor ao longo dos anos, entre um famoso músico de jazz e seu amor da juventude. Lou conta a história de duas mulheres desconhecidas, que se juntam para resgatar a filha de uma delas, em uma perigosa jornada pelo deserto. Fechando os lançamentos da semana, chega na Appletv+ um documentário sobre o ator e ativista dos direitos civis Sidney Poitier. O primeiro homem negro a ganhar o Oscar de melhor ator, que com sua arte e seu ativismo, contribuiu diretamente na luta pela igualdade de direitos.

A Mulher Rei

Baseado em fatos reais, o longa conta a história da Agojie, uma unidade de guerreiras composta apenas por mulheres que protegiam o reino africano de Dahomey nos anos 1800. A unidade é liderada pela General Nanisca (Viola Davis) que treina uma nova geração de recrutas e as prepara para combaterem colonizadores franceses, tribos rivais e todos aqueles que tentaram escravizar seu povo e destruir suas terras.

The Woman King (2022). De Gina Prince-Bythewood. Com Viola Davis, Thuso Mbedu, Lashana Lynch e John Boyega.

Disponível: Cinemas

Não Se Preocupe, Querida

Vencedor do Festival de Veneza 2022, o filme conta a história de Alice (Florence Pugh) , uma mulher que vive tranquilamente com o seu marido Jack (Harry Styles) e os sócios dele, também acompanhados de suas esposas em um condomínio, em pleno anos 1950. As esposas vivem reclusas no local, onde cuidam da casa e basicamente esperam seus maridos chegarem do trabalho.

Seus maridos trabalham no Projeto Vitória, uma cidade utópica, com o objetivo de mudar o mundo. Em meio a tudo, Alice começa a questionar o projeto e seu objetivo e conforme vai descobrindo os segredos por trás do projeto, a vida perfeita de esposa e marido começa a cair em ruínas, enquanto outras mulheres acabam se suicidando ou desaparecendo.

Don’t Worry Darling (2022). De Olivia Wilde. Com Florence Pugh, Harry Styles, Chris Pine, Olivia Wilde e Gemma Chan.

Disponível: Cinemas

Eike – Tudo ou Nada

Cinebiografia do ex-bilionário Eike Batista (Nelson Freitas), que já foi um dos homens mais admirados do Brasil. Casado com Luma de Oliveira (Carol Castro), uma das musas do carnaval brasileiro, Eike sonha tornar-se o homem mais rico do mundo. Influente, ele mostra ousadia ao investir na criação de uma empresa petroleira por conta da anunciada descoberta do pré-sal, na bacia de Santos. Sua aposta atrai investimentos, fez dele o sétimo homem mais rico do mundo, mas uma série de alianças e decisões, põe em risco todo o seu império.

Eike – Tudo ou Nada (2022). De Dida Andrade e Andradina Azevedo. Com Nelson Freitas, Carol Castro, Juliana Alves, Jonas Bloch e André Mattos.

Disponível: Cinemas

O Chef

Indicado a 4 prêmios Bafta, O Chef acompanha a rotina caótica de uma cozinha, de um prestigiado restaurante, no dia mais movimentado do ano. Andy (Stephen Graham) é o chefe da cozinha e precisará lidar com as pressões da crítica e de funcionários, além da falta de ingredientes e visitas inesperadas. Em uma noite em que tudo conspira para uma tragédia anunciada, o Chef fará tudo para manter o controle de seu restaurante. A trama se desenvolve nos bastidores da cozinha, onde a pressão pela perfeição, pode levar os profissionais ao limite.

Boiling Point (2021). De Philip Barantini. Com Stephen Graham, Vinette Robinson e Alice Feetham.

Disponível: Apple Tv, Claro tv, Google play, Youtube e Vivo Play.

Athena

Vencedor de dois prêmios no Festival de Veneza e dirigido por Romain Gavras (filho do diretor grego Costa-Gavras), Athena é a trágica história de três irmãos, que têm suas vidas jogadas no caos quando o irmão mais novo do trio é morto sob circunstâncias inexplicáveis. O acontecimento dá início a um embate violento no Conjunto Habitacional Athena, jogando os irmãos no centro do conflito.

Athena (2022). De Romain Gavras. Com Dali Benssalah, Sami Slimane e Anthony Bajon.

Disponível: Netflix

O Homem do Jazz

Ao som do legítimo blues do sul dos Estados Unidos da década de 1940, Bayou (Joshua Boone) e Leanne (Solea Pfieffer) se apaixonam, mas são proibidos pela família da garota a continuar esse romance. Anos se passam, Bayou se torna um músico de sucesso, enquanto Leanne se casa com outro homem, mas a paixão ainda existe e pode levá-los a atos com graves consequências.

A Jazzman’s Blues (2022). De Tyler Perry. Com Joshua Boone, Amirah Vann e Solea Pfeiffer.

Disponível: Netflix

Lou

Em meio a uma tempestade, uma menina é sequestrada. Sem escolha, a mãe Hannah (Jurnee Smollett) se une a misteriosa vizinha Lou (Allison Janney) para resgatar a garota, em uma jornada que coloca seus limites à prova e revela terríveis segredos do passado das duas.

Lou (2022). De Anna Foerster. Com Allison Janney, Jurnee Smollett e Logan Marshall-Green.

Disponível: Netflix

O Legado de Sidney Poitier

Sidney Poitier foi o primeiro homem negro a ganhar um Oscar de Melhor Ator e abriu as portas para outras minorias por meio de seu trabalho e posicionamento. Este abrangente retrato documental do falecido e grande Sidney Poitier analisa seus filmes, história de vida e realizações como artista e ativista do movimento dos direitos civis, que influenciaram diretamente na luta pela igualdade de direitos nos Estados Unidos.

Sidney (2022). De Reginald Hudlin.

Disponível: Appletv+

Deixe sua opinião sobre os filmes neste post ou nos mande um e-mail dizendo se concorda ou discorda da gente, deixando sua sugestão ou crítica: contato@ratosdecinema.com.

Assine nosso canal e tenha benefícios exclusivos!

catarse LOGO

Além disso, não deixe de curtir nossa página no Facebook, Youtube, Twitter e Instagram e participar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s